Turismo de eventos projeta mais de R$ 70 milhões para 2020

O mercado de turismo de negócios e eventos segue com resultados positivos em Maceió. Prova disto é que em 2019 a capital alagoana sediou 67 eventos nacionais e internacionais, 19 a mais do que em 2018, quando foram captados 48 eventos. Somente neste ano, segundo dados apresentados pelo Maceió Convention Visitors e Bureau (MC&VB), o segmento gerou um impacto econômico de R$ 67,5 milhões no Município. Para 2020, a projeção é ainda maior – a previsão é que o setor gere em torno de R$ 72 milhões para a economia da cidade, com 20 eventos já captados e um público estimado em 51,4 mil participantes.

Com um trabalho estratégico de captação realizado pela Prefeitura de Maceió em parceria com o MC&VB, com foco na divulgação dos atrativos da capital alagoana junto às entidades de classe em vários estados do Brasil e até em outros países, os números devem crescer ainda mais ao longo do ano que vem. Até 2023, segundo dados apresentados pelo segmento e analisados pelo Observatório de Turismo de Maceió, vinculado à Secretaria Municipal de Turismo, Esporte e Lazer (Semtel), 29 eventos já estão confirmados para Maceió, com estimativa de público de 69,8 mil participantes e impacto econômico previsto de aproximadamente R$ 98 milhões.

De acordo com o gestor da Semtel, Jair Galvão, os resultados mostram que o trabalho da Prefeitura de Maceió com o MC&VB está no caminho certo. “O segmento é importantíssimo para a capital, pois é um dos principais responsáveis pela geração de emprego e renda na baixa temporada, aquece a economia local e contribui para estabilizar o fluxo turístico durante todo o ano. Esses números demonstram o reconhecimento da estruturação e potencialidades do destino Maceió, bem como das ações estratégicas de captação lançadas para alavancar o potencial do turismo de negócios e eventos na capital, a exemplo da utilização do projeto de realidade virtual Maceió 360º, que tem sido decisivo na argumentação para vencer as disputas com outros destinos”, destacou o gestor.

Como parte do processo de captação realizado pelo  MC&VB, em parceria com a Prefeitura de Maceió, o Projeto Maceió 360º se destacou, em 2019, como importante instrumento de promoção dos atrativos da capital alagoana para o público deste e de outros segmentos – como é o caso das ações de capacitações de agentes de viagens realizadas pela Semtel em várias regiões do País. O recurso oferece aos participantes uma viagem virtual pelos principais atrativos da capital alagoana – uma experiência diferenciada que encanta os participantes e contribui para a tomada de decisão do potencial turista e da organização do evento na escolha do destino.

Segundo o presidente do Maceió Convention&Visitors Bureau (MC&VB), Glênio Cedrim, Maceió ganhará um calendário de eventos ainda mais extenso e diversificado em 2020. “Ano que vem, o calendário de eventos está bastante convidativo. São eventos na área jurídica, de saúde e esportiva, como é o caso do Iron Man, que deve trazer à capital alagoana mais de seis mil atletas e deixou na capital este ano cerca de R$ 16 milhões. Esses eventos fortalecem a rede hoteleira, geram empregos e mantém o fluxo de visitantes. A cada processo para conquista de um novo evento, apresentamos a infraestrutura de Maceió, os serviços que dispomos e a praticidade que o destino possui. Com os investimentos da Prefeitura de Maceió, a exemplo do ordenamento e iluminação da orla, pavimentação das ruas e limpeza das praias, a capital alagoana tem se consolidado como um destino atraente que, além do sol e mar, também oferece estrutura e segurança para que os visitantes sintam-se confortáveis e voltem mais vezes”, explica Cedrim.

Além do Iron Man, outros grandes eventos estão previstos para o ano que vem, a exemplo da Convenção da CVC, que deve trazer à capital alagoana mais 1600 agentes de viagens, o Brazilian Geek Festival, com previsão de  8 mil participantes e o 23 º CBCENF – Congresso Brasileiro dos Conselhos de Enfermagem, com previsão de 6 mil participantes.

26/12/2019

Fechar