Suspeito de sequestrar a própria mulher se apresenta à polícia

Jorge Tadeu Gomes Alves, de 43 anos, suspeito de ser o mandante do sequestro da própria esposa, a funcionária de uma empresa de energia, Adriana Rogério da Rocha, se apresentou à polícia, na tarde desta segunda-feira (30).

Jorge Tadeu, que estava foragido, se apresentou ao delegado Thiago Prado, da Seção Antissequestro, da Divisão Especial de Investigação e Captura (Deic), da Polícia Civil, acompanhado de advogados. Durante o depoimento, ele se recusou a responder perguntas.

Em nota à imprensa, a Deic informa que, nos últimos dias, várias diligências foram feita para prender o acusado, o que contribuiu para que ele se entregasse.

Por meio da nota, a Deic informou ainda que o inquérito policial segue para a fase final e Jorge Tadeu pode ser condenado por pena que ultrapassa 25 anos de prisão.

PC AL 01/10/2019

Fechar