Neymar é prioridade do Barcelona em 2020 e pode até apelar a regulamento da Fifa para deixar PSG

O ano de 2019 está perto de se encerrar, mas a novela “Neymar no Barça” está só começando mais um capítulo.

Segundo o jornal Mundo Deportivo, o atacante do PSG e da seleção brasileira voltará a ser alvo do Barcelona para 2020.

De acordo com a publicação, exceto em caso de uma queda absurda de rendimento ou uma nova e grave lesão, o clube catalão deve se voltar com força para a contratação de seu ex-atacante.

Entre as estratégias que podem ser utilizadas para que a transferência se realize, está a utilização de uma cláusula da Fifa.

Segundo a cláusula no regulamento de transferências da entidade, depois de um período de três temporada ou três anos – o que vier primeiro –  um jogador que tenha sido contratado antes dos 28 anos pode deixar o clube por sua vontade, desde que pague uma indenização.

O cálculo é definido pelo anos que faltam do seu contrato e calculado sobre o que ainda deveria ser pago a ele em termos de salários e premiações.

Calcula-se que a “liberdade” de Neymar custe cerca de 180 milhões de euros.

26/12/2019

Fechar