JUSTIÇA – MP pede prisão do ex-vereador Júnior Pedro

Júnior Pedro é condenado pelo TJ/AL por improbidade administrativa e fica  inelegível | 7Segundos - Maragogi

A vida do ex-vereador Júnior Pedro, de São Luís do Quitunde, depois de que o Tribunal de Justiça manteve a cassação da Casa Legislativa, está sendo bem difícil.

Segundo o processo n. 0000619-44.2011.8.02.0023, Pedro terá que responder por peculato diante da confirmação do desvio de dinheiro público.

O réu encontra-se foragido e, diante da ausência, o Ministério Público do Estado (MPE) pediu a prisão do ex-vereador. Agora, autoridade policial deverá realizar o cumprimento.

O MP denunciou o Júnior Pedro originando o processo n. 0800052-71.2017.8.02.0054.

“Na hipótese das duas diligências não surtirem efeito, entendo que a única alternativa viável é V.Exa decretar a prisão do acusado, colocar o mandado de prisão nas mãos da autoridade policial e aguardar o cumprimento”, solicitou o  órgão à Justiça.

 

Fechar